Projeto da UPA passa por reparos para fugir de problemas futuros

Iniciada em maio do ano passado, a obra de construção da Unidade de Pronto Atendimento, UPA 24 horas, ficou paralisada durante um bom tempo. O motivo seria falhas encontradas durante uma vistoria feita recentemente atendendo solicitação do Ministério da Saúde.  

Segundo a secretária de Saúde de Alta Floresta, Daniela Titon Moreira, a UPA 24 horas está prestes a ser concluída, mas alguns problemas encontrados na vistoria acabou barrando a disponibilização do restante dos recursos. Titon explicou que algumas adaptações na planta do prédio terão que ser feitas para fugir de problemas futuros.

As pequenas irregularidades foram encontradas nas portas que estão menores, podendo provocar enormes problemas na hora do atendimento, encanamento de gás e também no projeto inicial da fossa que não acompanha as exigências adequadas para uma unidade do tamanho da que está sendo construída em Alta Floresta. “São detalhes que se não for mexido agora vai dar problema depois que estiver tudo pronto. É melhor readequar agora do que mais pra frente termos grandes problemas”, disse a secretária Daniela Titon, frisando que as diferenças apontadas já estavam no projeto inicial da UPA, que inicialmente não foram submetidas a alterações.   

A UPA que funcionará como um “filtro” dos encaminhamentos para o Hospital Regional está em construção em uma área próxima ao Corpo de Bombeiros.

Nesta obra deverão ser investidos aproximadamente R$ 1,4 milhão. O local terá capacidade para atender até 150 pacientes, não haverá internação, mas sim um serviço padrão com consultórios, leitos de observação, raio-x, gesso e outras dependências que darão condições de um atendimento modelo na unidade. “Após o prédio ficar pronto será iniciado o trabalho para a estruturação com equipamentos para atender a população”, completou Daniela Titon.

 

(Por Alex Cordeiro – Jornal O Diário)

Use QR-Code to get this permaking using your Smartphone. QR Code for Projeto da UPA passa por reparos para fugir de problemas futuros

Deixe o seu comentário